domingo , 16 junho 2024 - 09:06
Home Blogger Vestibulanda e Camões
Blogger

Vestibulanda e Camões

Vestibular da Universidade da Bahia cobrou dos candidatos a interpretação do seguinte trecho de poema de Camões:

‘Amor é fogo que arde
sem se ver,
é ferida que dói e não se sente,
é um contentamento descontente,
dor que desatina sem doer ‘.

Uma vestibulanda de 16 anos deu a sua interpretação :

‘Ah, Camões!, se vivesses hoje em dia,
tomavas uns antipiréticos,
uns quantos analgésicos
e Prozac para a depressão.
Compravas um computador,
consultavas a Internet
e descobririas que essas dores que sentias,
esses calores que te abrasavam,
essas mudanças de humor repentinas,
esses desatinos sem nexo,
não eram feridas de amor,
mas somente falta de sexo !’

A Vestibulanda ganhou nota DEZ, pela originalidade, pela estruturação dos versos, das rimas insinuantes e também, foi a primeira vez que, ao longo e mais de 500 anos, alguém desconfiou que o problema de Camões era apenas falta de mulher.

Sobre o autor

Sobre o portal

Desde 2008 mantenho este portal, que iniciou sendo um disseminador de informações e artigos voltados a área da mecânica e com o passar do tempo alterou seu formato diversas vezes, tornando-se uma plataforma educacional flexível  com ênfases em História (Que é a minha paixão) e trabalhos desenvolvidos na ampliação da cultura Maker no Brasil.

Related Articles

Mães, que bom que vocês existem!

Um dia, quando os meus filhos forem crescidos o suficiente para entenderem...

Especial Dia dos Pais

A Lua que não deiCecílio Elias Netto Compreendo os pais – e...

Sabedoria de Tubarão

Dois enormes tubarões brancos observam os sobreviventes de um naufrágio.– Siga-me, filho!...

Fácil e o Difícil

Ontem estava conversando com uma profissional que me atende, e durante a...