domingo , 14 abril 2024 - 18:04
Blog Senta que lá vem a História

Dumont, o cupido

A história de hoje, em um dia especial em que a página ultrapassa 3000 curtidas (Obrigado!), também tem que ser especial, e será! O mineiro Alberto Santos-Dumont foi um grande pioneiro na aeronáutica mundial, considerado um herói no seu tempo, dentro e fora do Brasil. Mas o patrono da nossa aviação também se aventurava em outros campos. Também desenvolveu o relógio de pulso e em petrópolis, onde morou, costumava frequentar o restaurante de um hotel, onde era servido pelo garçom Edgar. Edgar era solteiro e Santos-Dumont inconformado com a solteirice de seu amigo, sugeriu, em 1919, que o moço abordasse a jovem e bela Júlia, arrumadeira no mesmo hotel. Santos-Dumont tratou de inventar um jantar e contratou os moços para fazerem o serviço de buffet para os pretensos “convidados”. É claro que os convidados nunca chegaram, pois tratava-se de uma tentativa desesperada de nosso cúpido aviador de unir os pombinhos. Após ninguém chegar, Santos-Dumont se sentou a mesa e convidou Edgar e Júlia para se sentarem junto a ele na mesa e foi direto ao assunto: disse que os dois deviam namorar e uniu suas mãos. Quatro anos depois, o casal subia ao altar com as bênçãos dos santos da Igreja e a de Santos-Dumont.
Extraído de Uma casa muito encantada de Francisco Luiz Noel e Patricia Souza Lima

Sobre o autor

Sobre o portal

Desde 2008 mantenho este portal, que iniciou sendo um disseminador de informações e artigos voltados a área da mecânica e com o passar do tempo alterou seu formato diversas vezes, tornando-se uma plataforma educacional flexível  com ênfases em História (Que é a minha paixão) e trabalhos desenvolvidos na ampliação da cultura Maker no Brasil.

Related Articles

Quem é tolo?

Conta-se que numa pequena cidade do interior um grupo de pessoas se...

Carlota Joaquina

A história do dia é sobre a Rainha CARLOTA JOAQUINA, esposa de D....

A origem francesa do futebol

A história do dia estou escrevendo ouvindo a rádio Gaúcha de Porto Alegre...

A batalha das toninhas

A História do dia que vou relatar é uma das mais vergonhosas façanhas...